Podemos considerar o conceito de medicina corporativa como um conjunto de ações de saúde, segurança e bem-estar dentro e fora do ambiente de trabalho. Elas têm o objetivo de garantir uma melhor qualidade de vida para os seus funcionários.

Hoje, as empresas estão mais conscientizadas a respeito disso. O próprio empresário já procura o atendimento da medicina ocupacional como fator de qualidade para sua produção. Isso evitará que exista algum agravamento na saúde do colaborador, devido a acidentes ou doenças relacionadas às funções que exerce no seu trabalho.

Prevenir doenças ocupacionais ou do trabalho, bem como reduzir suas complicações está descrito como um direito do trabalhador na Constituição.

Implantar um programa de medicina corporativa no seu negócio tende a contribuir com a satisfação pessoal e profissional dos seus funcionários, o que faz a produtividade e o desempenho deles aumentarem.

Com o avanço da tecnologia, é cada vez mais comum o uso da telemedicina para cumprir esse papel nas empresas. A companhia não precisa, necessariamente, investir em espaços ou enfermarias completas no local, podendo realizar as consultas e atendimentos a distância.

A medicina corporativa tem uma função essencial no acompanhamento, no monitoramento e na recuperação da saúde do trabalhador dentro de um ambiente de trabalho. Dessa forma, ela ajuda o funcionário a retomar o seu desempenho normal no dia a dia.